Livro sobre vale do rio Cuiabá será lançado em evento internacional de sustentabilidade

“Vale do Rio Cuiabá e Suas Belezas” faz uma reverência ao poder de se regenerar e resistir do rio; A capital de MT sedia o CICLOS 2019

0
469
O livro ressalta a ligação do rio com a cultura e a identidade do povo mato-grossense Foto - Mário Friedlander

O Centro de Eventos do Pantanal recebe, nesta quinta e sexta-feira (23 e 24 de maio), o Congresso Internacional de Sustentabilidade (CICLOS), cuja temática deste ano será ancorada em tendências de sustentabilidade para pequenos negócios. No primeiro dia do evento (23), às 18h, acontece o lançamento do livro “Vale do Rio Cuiabá e Suas Belezas”, uma realização da Associação Mato-grossense de Inclusão Sociocultural (AMISCIM) em parceria com a Assembleia Legislativa e a Secretaria de Estado de Cultura.

A obra foi organizada e produzida por José Paulo da Motta Traven. A pesquisa, os textos e a curadoria leva a assinatura de João Antônio Botelho Lucidio. Os registros fotográficos são de autoria de Mario Friedlander. Jonatham de Barros Ferreira responde pela cartografia. E o projeto gráfico, editoração e capa ficou por conta de Elaine Caniato.

Ao longo de suas 143 páginas, boa parte delas compostas por belíssimas imagens, o livro reverencia o poder de se regenerar e resistir do rio que empresta o nome à capital-matogrossense. Esta abordagem destaca “a importância do rio na formação dos 14 municípios que compõem o Vale do Rio Cuiabá.  Fala sobre as matrizes econômicas, sobre a história da formação desses municípios”, explica Paulo Traven.

Não por acaso, a publicação se divide em quatro capítulos que apresentam detalhadamente essa relação entre estes 14 municípios e o rio. São estes os capítulos: 1- “O Distrito da Capital” (Cuiabá e Várzea Grande); 2- “O Distrito de Serra Acima” (Chapada dos Guimarães, Nova Brasilândia, Planalto da Serra e Campo Verde); 3- O “Distrito Rio Acima” (Rosário do Oeste, Nobres, Acorizal e Jangada); 4- “O Distrito de Rio Abaixo” (Santo Antônio de Leverger, Barão de Melgaço, Nossa Senhora do Livramento e Poconé).

O livro também ressalta a ligação do rio com a cultura e a identidade do povo mato-grossense. “Foi e é ao longo deste rio, que já há três séculos, se desenvolvem os modos de viver que chamamos de cuiabano. Ao propormos uma reflexão sobre a bacia do rio que empresta seu nome à capital de Mato Grosso, queremos não só homenageá-lo, como também cultuar o seu existir”, pontua Traven na apresentação da obra.

E reforça que “este trabalho recupera quão importante é o rio Cuiabá para a história dos municípios que o têm como o epicentro da vida de seus moradores”. Portanto, ao focar na exuberância e importância do rio, o livro também sugere que repensemos ações e cuidados com o mesmo. “Dar a conhecer as belezas do rio Cuiabá é um modo de lembrar o quanto ainda podemos perder”, pondera Traven.

O lançamento acontece antes da palestra de Irene Giner-Reichl (Embaixadora da Áustria no Brasil), que abordará “Sustentabilidade e Mercados Globais”. O livro possui tiragem de 3 mil exemplares e os interessados em adquiri-lo podem fazer o pedido através do e-mail amiscimmt@gmail.com.

A obra alerta para os cuidados que devem ser tomados para a preservação do rio

CICLOS 2019

O evento acontece desde 2012. Inicialmente, era chamado “Seminário Sebrae de Sustentabilidade” e envolvia somente colaboradores do Sistema Sebrae de todo o Brasil. Com o passar dos anos, passou a ser aberto ao público.

De acordo com a assessoria, o Ciclos “sempre foi um evento de vanguarda, tanto para o Sistema Sebrae quanto para Mato Grosso, pelos temas abordados, o formato de evento e escolha de palestrantes”.

Neste ano a temática do evento está ancorada em seis tendências de sustentabilidade para pequenos negócios, um material produzido pelo Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS), em parceria com a Ideia Sustentável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here