‘Mata Cavalo’ é tema de dissertações de mestrandas quilombolas na UFMT

A comunidade quilombola ‘Mata Cavalo’ permeia a temática de duas dissertações de mestrado que serão defendidas nos próximos dias

0
1274
Comunidade quilombola Mata Cavalo está localizada no município de Nossa Senhora do Livramento - Foto - Gustavo Louzada

Duas estudantes quilombolas da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) apresentarão, nos dias 27 e 30 de maio, ambas às 15h, suas respectivas dissertações de mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE).

Em comum, além da origem quilombola das pesquisadoras, as dissertações trazem a Comunidade Mata Cavalo (localizada no município de Nossa Senhora do Livramento-MT) como elemento norteador dos dois trabalhos. As apresentações acontecem no auditório 334 do Instituto de Educação (IE).

A primeira a apresentar, no dia 27, é Júnia Santana, orientada pela professora Regina Aparecida da Silva. Intitulada “Aprendizagens da terra nas narrativas das mulheres guerreiras do Quilombo Mata Cavalo”, a dissertação propõe uma perspectiva que relaciona a questão da maternidade com o cuidado ambiental e as travessias cotidianas. 

E no dia 30 é a vez de Adrianny de Arruda, também orientada pela professora Regina, apresentar sua dissertação. Ela analisa a importância do fortalecimento da identidade dos quilombolas no trabalho intitulado “Uma escola no quilombo: narrativas da educação, das lutas e das resistências na Comunidade Quilombola de Mata Cavalo”.

As mestrandas ingressaram no PPGE por meio um amplo programa de ações afirmativas. Desde 2006, o Grupo Pesquisador em Educação Ambiental, Comunicação e Arte (GPEA) desenvolve pesquisas no quilombo de Mata Cavalo. De acordo com a assessoria da UFMT, a “apresentação das duas estudantes concretiza a importância dessa parceria entre universidade e comunidade”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here